#defensoria

DEFENSORAR: MAIS QUE UMA CARREIRA

Oi pessoal! Hoje o post é um pouco diferente. Sábado comemorei um ano de DPU. Um ano de posse, de Cáceres/MT, de Defensoria e de muito aprendizado. ❤
Vocês tem feito muitas perguntas sobre a atuação da DPU e o dia-a-dia do defensor. Resolvi listar as perguntas mais frequentes e fazer um post bem detalhado.
Espero que ajude quem está em dúvida ou pensa em seguir a carreira de defensor público federal!

1) Como comprovar a prática jurídica por meio de advocacia?
O concurso passado da DPU (2014) começou a exigir 3 anos de atividade jurídica, a ser comprovada na posse. O edital previu como termo inicial do cômputo do tempo de atividade jurídica a data de conclusão do curso de direito. Em outras palavras, 3 anos a partir da colação de grau. (mais…)

Anúncios

RESUMO: LEI DE ASSISTÊNCIA JUDICIÁRIA (LEI 1.060/50)

Oi, gente! Tá na hora de inaugurar a aba de resumos da Defensoria Pública. Vou começar com um tema muito importante: LEI DE ASSISTÊNCIA JUDICIÁRIA (LEI 1.060/50). Assim como o resumo postado sexta (Convenção de Haia), esse também é meu queridinho: pesquisei muito com o intuito de esgotar o tema e elaborar um material bem completo: lei seca + doutrina + farta jurisprudência. Utilizei como fonte as obras: Defensoria Pública (Frederico Rodrigues Viana de Lima) e  Fred. Didier. Acrescentei a jurisprudência do STJ sobre o tema desde 2013 (Dizer o Direito) e pesquisei bastante sobre o tema no Novo CPC. Tópicos:

  • JUSTIÇA GRATUITA, ASSISTÊNCIA JUDICIÁRIA E ASSISTÊNCIA JURÍDICA
  • LEI DE ASSISTÊNCIA JUDICIÁRIA (LEI 1.060/50)
  • NOVO CPC (2015)
  • JURISPRUDÊNCIA DO STJ (DESDE 2013)

FOCA NO RESUMO – ASSISTENCIA JUDICIARIA GRATUITA

Atualizado até o info. 565 do STJ.

Ufa, cansei! Bons estudos! 🙂

Martina Correia